SINDICATO DOS TRABALHADORES DE SERVIÇOS DE PORTARIA, VIGILÂNCIA, LIMPEZA, DOMÉSTICAS E ACTIVIDADES DIVERSAS

Aos trabalhadores e trabalhadoras vigilantes da Securitas no Cliente, Condomínio L´Orangerie  (Vilamoura – Algarve)

A partir de 01 de julho de 2021 a Securitas sai e entra o Grupo 8

De acordo com o artº 285 do Código do Trabalho sobre a norma da “transmissão de estabelecimento”, todos os trabalhadores devem passar para a grupo 8 com todos os seu direitos, podendo, porém, exercer o direito de oposição à transmissão – mas, muita atenção às possiveis consequências negativas!

O STAD alerta:

• nenhum trabalhador(a) deve assinar qualquer documento sem se informar primeiro com o STAD!

• caso os trabalhadores, não recebam uma comunicação oficial das duas empresas, ou não tenham exercido por escrito o direito de oposição à transmissão, devem apresentar-se no seu local de trabalho habitual!

• no caso de exercerem o direito de oposição, o STAD alerta para as possiveis consequências negativas desta opção para os trabalhadores, sendo aconselhável que contacte primeiro o STAD para que seja ajudado a fazer a carta!

O STAD já solicitou ao ministério de trabalho uma reunião com carater de urgência com a securitas, o grupo 8, o cliente e o próprio ministério do trabalho!

O STAD exige que, na mudança de empresa no cliente, sejam salvaguardados os direitos dos trabalhadores, principalmente a efetividade e a antiguidade!

Ler Comunicado do STAD aos trabalhadores e trabalhadoras vigilantes da Securitas no Cliente, Condomínio L´Orangerie (Vilamoura – Algarve)

stad bandeira2

O STAD teve conhecimento que a Powershield poderá não estar a cumprir de forma correta com o CCT/STAD

O STAD já solicitou à Powershield uma reunião urgente para resolver a situação.

As matérias laborais a serem tratadas na reunião são as seguintes:

1. Pagamento do salário / horas trabalhadas;

2. Horários de trabalho;

3. Pagamento das médias das horas noturnas nas férias, subsídio de férias e subsídio de Natal;

4. Intervalo para descanso.

Ler Comunicado do STAD aos trabalhadores e trabalhadoras vigilantes da Powershield

powershield

O STAD teve conhecimento que a ICTS poderá não estar a cumprir de forma correta com o CCT/STAD

O STAD já solicitou à ICTS uma reunião com carácter de urgência para esclarecimento e resolução das seguintes matérias laborais:

1. Pagamento dos salários e subsídio de alimentação até ao último dia útil de cada mês;

2. Horários de trabalho;

3. Subsídio de transporte;

4. Pagamento do trabalho extraordinário;

5. Pagamento das médias das horas noturnas nas férias, subsídio de férias e subsídio de Natal;

6. Covid 19 – EPI´s

Ler Comunicado do STAD aos trabalhadores e trabalhadoras vigilantes da ICTS

Será verdade que a Vigiexpert está a entregar aos trabalhadores uma adenda ao contrato de trabalho para que o trabalho extraordinário seja pago em kms?

Será verdade? Se for, é ilegal!

O STAD já solicitou uma reunião com a Vigiexpert, que vai ser realizada muito em breve, para esclarecer esta situação!

O STAD alerta desde já todos os/as vigilantes:

Nenhum(a) trabalhador(a) deve assinar qualquer documento, seja este ou outro, entregue pela empresa sem se informar previamente com o STAD!

Ler Comunicado do STAD aos trabalhadores e trabalhadoras vigilantes da Vigiexpert

vigiexpert

Os trabalhadores de limpeza hospitalar da empresa Sá Limpa a prestar serviço no Hospital de S. José, em Lisboa, estiveram esta manhã concentrados em frente a entrada principal do hospital, em luta pelo pagamento dos feriados conforme o Contrato Colectivo de Trabalho assinado pelo STAD, os trabalhadores e o sindicato recusam a posição da empresa, que pretende trocar o pagamento do feriado trabalhado por descanso compensatório. Exigem também o cumprimento do Acordo de Condições Específicas e o aumento do subsídio de alimentação e de risco.

Concentração dos Sá Limpa a prestar serviço no Hospital de S. José

Os trabalhadores de limpeza hospitalar da empresa Sá Limpa a prestar serviço no Hospital de S. José, em Lisboa, estarão em greve na próxima segunda-feira, 14 de Junho, durante todo o dia. Entre as 9:30 e às 12:30 fazão uma concentração de protesto, à entrada principal do hospital, que contará com a participação da Secretária-Geral da CGTP-IN, Isabel Camarinha.

Em luta pelo pagamento dos feriados conforme o Contrato Colectivo de Trabalho assinado pelo STAD, os trabalhadores e o sindicato recusam a posição da empresa, que pretende trocar o pagamento do feriado trabalhado por descanso compensatório. Exigem também o cumprimento do Acordo de Condições Específicas e o aumento do subsídio de alimentação e de risco

Apesar das tentativas feitas pelo STAD, em várias reuniões com a Sá Limpa, a empresa ainda não assumiu o cumprimento daqueles direitos dos trabalhadores.

LER COMUNICADO AOS TRABALHADORES E TRABALHADORAS DE LIMPEZA HOSPITALAR DA SÁ LIMPA-HOSPITAL S. JOSÉ

Greve dos trabalhadores de limpeza no Hospital de S. José

 

 

Sede Lisboa

© 2018 STAD - Sindicato dos Trabalhadores de Serviços de Portaria, Vigilância, Limpeza, Domésticas e Actividades Diversas