SINDICATO DOS TRABALHADORES DE SERVIÇOS DE PORTARIA, VIGILÂNCIA, LIMPEZA, DOMÉSTICAS E ACTIVIDADES DIVERSAS

A partir de 1 de janeiro de 2019, entrou em vigor o Salário Minimo da Região Autónoma da Madeira de 615 euros!

Este é o nosso salário base a partir de Janeiro (para um horário de 40H) – mas é muito pouco!

Nós, trabalhadores e trabalhadoras de Limpeza Industrial exigimos aos patrões 650 euros mensais, no minimo, e o nosso Contrato Colectivo de Trabalho (CCT)!!

VENCEREMOS! (MADEIRA) BOLETIM DO SECTOR DAS LIMPEZAS INDUSTRIAIS

frame maif 01

FOTOS
Ver fotos da concentração dos trabalhadores da Eulen em frente ao Hospital do Barreiro
ver fotos

Os trabalhadores da empresa de limpeza do Hospital do Barreiro começaram hoje uma greve de 48 horas
Os trabalhadores da empresa de limpeza do Hospital do Barreiro começaram hoje uma greve de 48 horas. Exigem um aumento dos salários e melhores condições de trabalho.
Declarações de Sandra Rolo, Trabalhadora da Eulen; Donzília Antunes, Sindicato dos trabalhadores de Atividades Diversas.
SIC - Primeiro Jornal

Greve na limpeza no Hospital do Barreiro
No Hospital do Barreiro, os trabalhadores da empresa que assegura a limpeza começaram hoje uma greve de dois dias. Até amanhã, as instalações do hospital não vão ser limpas.
Declarações de Donzília Antunes, STAD.
SIC Notícias - Jornal do Meio-Dia

Trabalhadores da Eulen em protesto . Direto do Hospital do Barreiro
Os trabalhadores da empresa de limpeza industrial contratada pelo Hospital do Barreiro estão em greve, hoje e amanhã.
Direto da entrada principal do hospital do Barreiro, onde estão concentrados os trabalhadores da Eulen.
SIC Notícias - Jornal das Dez

Na próxima sexta-feira, 1 de Março, estarão em greve os trabalhadores da Ambiente e Jardim /AJII / Ambijardim que fazem a limpeza nos locais trabalho CP-Contumil, CP-Campanhã, CP-S. Bento, Call C- ZON, CP-Penafiel, EMEF-Contumil e CP-Guifões. Entre as 9:30 e as 12:30 horas fazem também uma concentração de protesto na CP-Campanhã.

Os trabalhadores reivindicam:

  • • pagamento imediato á segurança social dos valores descontados mensalmente nos salários dos trabalhadores;
  • • aumento dos salários para, no minimo, de 650€;
  • • aumento do subsídio de alimentação - 5€/dia;
  • • actualização do subsídio de transporte aos trabalhadores que tem direito ao mesmo.

LER COMUNICADO AOS TRABALHADORES DA AMBIENTE E JARDIM /AJII / AMBIJARDIM

limpeza geral.0gt6

Na próxima segunda e terça - feira, dias 25 e 26 de Fevereiro de 2019, as instalações do Hospital do Barreiro não serão limpas - os trabalhadores e trabalhadoras de limpeza da empresa EULEN, cansados e fartos que a empresa não reconheça e não valorize o seu trabalho, reivindicam o aumento de salário para um valor mais que justo, de €650 no mínimo, exigem o cumprimento o Acordo de Condições Específicas do Local de Trabalho e o cumprimento do CCT/STAD, no que diz respeito à actualização do subsídio de alimentação, subsídio de transporte e de risco que não são actualizados há vários anos, o pagamento dos feriados a 100% e a concessão do respectivo descanso compensatório também a 100%, o pagamento de 16% relativo ao trabalho prestado em domingos e instalações adequadas para tomarem as suas refeições e se vestirem, estarão em greve 48 horas pelo cumprimento da legislação aplicável!
Esta greve envolve cerca de 80 trabalhadores que laboram no Hospital do Barreiro.

LER NOTA AOS ORGÃOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL

HOSPITAL BARREIRO LIMPEZA 54

A partir de 1 de janeiro de 2019 entrou em vigor o Salário Minimo da Região Autónoma dos Açores de 630 euros.
Este é o nosso salário base a partir de Janeiro (para um horário de 40H) – mas é muito pouco.
Nós, trabalhadores e trabalhadoras de Limpeza Industrial exigimos aos patrões 650 euros mensais, no minimo, e o nosso Contrato Colectivo de Trabalho (CCT).

LER O "VENCEREMOS!" -  BOLETIM DO SECTOR DAS LIMPEZAS INDUSTRIAIS (AÇORES)

limpeza geral bandeiras luvas

2 DIAS DE GREVE
25 e 26 de Fevereiro, segunda e terça-feira

CONCENTRAÇÃO À ENTRADA DO HOSPITAL
25 de Fevereiro - das 9:00h ás 12:00h

Objectivos da nossa luta:

Porque a Eulen continua a não cumprir:

  • com o acordo de condições especificas do local de trabalho (aumento dos subsídios de transportes e de alimentação)!
  • com o pagamento do trabalho em feriados (cláusula 27ª do CCT/STAD em vigor)!
  • com o CCT/STAD e com os direitos dos trabalhadores!

Exigimos que a Eulen respeite a lei e o CCT/STAD!

LER COMUNICADO ÀS TRABALHADORAS E TRABALHADORES DE LIMPEZA DA EMPRESA EULEN NO HOSPITAL DO BARREIRO

HOSPITAL BARREIRO LIMPEZA O89

© 2018 STAD - Sindicato dos Trabalhadores de Serviços de Portaria, Vigilância, Limpeza, Domésticas e Actividades Diversas